Operação Social Media

Nossa diretora de arte foi e conta tudo para vocês.


Fala, meus viajantes! Aqui quem vos fala é a Ana Clara, mas só vão me conhecer quando me apresentar como Ritinha.

Estive presente na Operação Social Media, em Ribeirão Preto, ministrada pelo Ramon Campos e o Erickson Monteiro, dois caras fxd@s da internet que tenho uma grande admiração, além de vários outros convidados.

Vim aqui compartilhar com vocês um pouquinho dessa experiência.


Sou uma diretora de arte aqui na HIP, e eles me colocaram para redigir como foram esses dias de aventura na órbita do social media.


O curso começou ao comando do Ramon (@ramoncampos), com foco em

criatividade e reels. As primeiras dicas que ele dá é o básico do básico no Instagram, sobre você/empresa e seu perfil:


- Seu @: você precisa ser facilmente encontrado;

- Sua bio: Quem é você? / O que você faz/oferece? / Como encontrar?


Depois de falar um pouco sobre a linha editorial, ele fala sobre as diferenças de cada espaço no Instagram: feed, stories, reels e live.


PAUSA: É muito difícil escrever um dia todo em poucas linhas (rsrs).


Depois, tivemos a Paola Brescianini (@drasocialmedia), que é nômade, vive transitando aeroportos e ensinou pra gente a ganhar em euros. Quem não quer, né?


Lá nas gringas, o marketing brasileiro é considerado um dos mais criativos. Então, os franceses e portugueses amam quando oferecemos esse tipo de serviço, e como desconto é coisa de brazuca, muito provavelmente você não encontrará o chorinho pra pagar menos.


Após o almoço, tivemos palestra com o Erickson (@eriksonmonteiro), nômade também que está há 12 anos no marketing digital.


O foco dele é trafego pago.


Hoje, existem mais de 21 milhões de negócios no Brasil, e todas as empresas precisam de social media. Então, tem muito trampo aí para os desbravadores da área.


Tivemos palestra sobre e-commerce e até do Tik Tok, que, se acha que é uma plataforma só para dancinhas, você está muito enganado.


Por lá dá pra prospectar clientes e desenvolver conteúdo relevante com a possiblidade muito mais alta de viralizar.


Enfim, tivemos um dia de muito aprendizado. A cabeça sai de lá borbulhando de ideias, dá vontade de sair viajando, virar nômade, fazer dancinhas e ganhar em euros.


Os meninos estão com essa operação em todo o Brasil, já foram em 5 cidades e farão os cursos em muitas outras ainda. Caso tenha oportunidade de ir, vá, meu filho!


Por hoje é só pessoal. Vou voltar a fazer meus criativos, em que tenho certeza que sou melhor!




Ritinha é diretora de arte da HIP, ex-BBB, pratense que vale ouro e que ainda descola altos jobs por sua conta pela Rits. A HIP agradece a colaboração do conteúdo e no dia a dia com a gente. A sintonia laranja&verde segue forte!